Os encantos e desencantos da gestação

Gravidez…

Tá aí, uma situação que eu fugi, fugi e acabei sendo surpreendida.
Eu nunca esperei pelo glamour da maternidade, nunca acreditei naquela coisa que aparece em capa de revistas, tudo lindo e maravilhoso, a mulher sempre sorridente alisando a barriga…

 
Na primeira semana em que eu descobri a gravidez, minha sogra tava fazendo farofa com linguiça. Eu estava extremamente incomodada e não sabia porque, foi quando a Lucia me chamou pra ir ao mercado.
Que alívio sair daquela cozinha!! O cheiro que antes seria uma delicia, se tornou algo insuportável.
No mercado ao passar pela sessão de carnes, um show de horror. A impressão que eu tinha era que a carne tava estragada!
Bife? Nem pensar!!! O Ednaldo ia preparar a janta e eu ficava trancada no quarto.
Mas o cheiro não pede licença né?

Detestei o nariz de cachorro…
O cheiro de tudo fica mais apurado!
Outra coisa que eu não suportava era quando o Ednaldo saía do banho e vinha aquele cheiro de sabonete!! Pra mim todos fediam!
Até que ele se irritou e falou: -Só fatava você falar que não é pra eu tomar banho sem sabonete!!

Sim, minha vontade era que fosse assim. ahahahahahahahhahahaa mas essa vontade ele não fez não.

E fazer xixi em banheiro público?
Normalmente já é um porre, você segura a calça pra não encostar no chão e na privada, aquele cabelo caindo na cara, bolsa atrapalhando, aquela barriga imensa pra te ajudar ainda mais.

Levantar da cama sem parecer uma tartaruga com o casco virado pra baixo também é algo impossível.
Daí você joga as pernas pro alto para pegar impulso e aí então fica fazendo gangorra até conseguir sentar.
Andar por muito tempo tambem começa a ficar complicado, sentia muitas dores embaixo da barriga.

No finalzinho da gravidez… os inchaços.
Pés inchados, nariz inchado, uma coisa bizarra que eu nunca tinha ouvido falar, mas eu vou falar… ahahahahaha
Até a periquita incha gente, é um negócio muuuuito bizarro.

O humor também é uma coisa que tipo…
Pode considerar uma mulher grávida, 9 meses na TPM!

Maaaaas, tem a parte boa também.
Eu não podia sentir o cheiro de carne mas em compensação sentia muita vontade de comer frutas e salada!
Hahahahahahahhaha era bizarro, eu acordava de madrugada pra comer salada!
Qual a parte boa nisso??
Eu emagreci na minha gestação, na minha última consulta eu estava com o mesmo peso de quando comecei o pre-natal.
Quanto eu pesava?
Há, não interessa! kkkkkkkkk

Furar fila também faz parte do lado bom
Hmmmm, e a sensaçao do bebê mexendo na sua barriga que é indescritível, a melhor de todas as partes boas da gravidez!

Ah! Minha pele e meu cabelo também ficaram assim… Uma beleza! Pele de pêssego e os cabelos fortes e brilhantes (que depois que o bebê nasce, cai aos montes e por um momento achei que ficaria careca)

Como podem ver a minha lista, o lado negativo da coisa é bem maior né?
Não, não é fácil e ainda dizem que a mulher é o sexo frágil!

Já ouvi mulheres dizerem que a gestação foi tipo capa de revista, não sentiram nada de ruim. Que sorte a delas!!! Rs

E em meio a tudo isso, ainda tem a pressão sobre que tipo de parto eu quero…
Mas esse é um assunto para um outro dia!!!

E viva o glamour da maternidadeeeee!!!